Navegue pela Home do seu time
A força dos invictos

A força dos invictos

Pela primeira vez na NFL, 6 franquias se mantém invictas após a 5ª semana da temporada 2015-2016, Atlanta Falcons, Cincinnati Bengals, Denver Broncos e Green Bay Packers estão com 5 vitórias e Carolina Panthers e New England Patriots com 4 vitórias.

Atlanta Falcons
Liderados por Matt Ryan os Falcons tem uma campanha muito consistente e equilibrada. Muitos questionam se Ryan tem condições de levar a franquia ao titulo de Super Bowl, eu entendo que sim, já vimos quarterbacks com menor rating como Eli Manning e Joe Flacco liderar seus times para conquista. E ainda Ryan conta com suporte extraordinário de Devonta Freeman 405 jardas corridas, 240 jardas recebidas e Julio Jones melhor wide receiver da NFL com 545 jardas recebidas.

Cincinnati Bengals
Andy Dalton em grande fase com 11 passes para touchdowns, mas é inevitável comparar os Bengals com os Falcons, os números e as campanhas estão espelhados e as equidades não param por aí, ambos com quarterbacks Top 10 que jamais conquistaram o titulo. E o ataque também conta com artilharia pesada, Giovani Bernard 377 jardas corridas e AJ Green com 495 jardas recebidas.

Denver Broncos
Uma defesa para Peyton Manning está tem sido a frase dos últimos anos. Parece que agora este pedido foi atendido, Denver tem como destaque no começo da temporada a melhor defesa da NFL, porém dos invictos possui a menor média de pontos. No ataque Peyton continua fazendo seus passes incríveis, Emmanuel Sanders 418 jardas recebidas e Demaryius Thomas 416 jardas recebidas, mas o jogo corrido de Denver é fraquíssimo e tem que melhorar se quiserem lutar pelo titulo.

Green Bay Packers
Óbvio que o destaque é Aaron Rodgers, melhor quarterback no rating de todos os tempos e melhor quarterback na comparação touchdowns/interceptações, ele lançou 13 passes para touchdowns. Mesmo sem Jordy Nelson, os Packers seguem muito forte na temporada. Na defesa Clay Matthews e Julius Peppers continuam aterrorizando os quarterbacks adversários e o ataque está muito equilibrado com Eddie Lacy 257 jardas corridas e James Starks 174 jardas corridas, como nos passes recebidos James Jones 394 jardas recebidas e Randall Cobb 312 jardas recebidas.

Carolina Panthers
Cam Newton o melhor quarterback corredor da NFL é o destaque, ele ama o perigo e corre muito com a bola oval, tem acertado bons passes e pode evoluir no comando dos Panthers. A defesa está muito sólida e no ataque o destaque é o jogo corrido, Jonathan Stewart 220 jardas corridas e Cam Newton 195 jardas corridas. Greg Olsen 243 jardas recebidas.

New England Patriots
Também óbvio destaque para Tom Brady, aquele que pode se tornar o maior vencedor da história da NFL, com um jogo a menos nessa temporada de 2015-2016 até agora, lançou 11 passes para touchdowns. Outra força dos Patriots é Bill Belichick mago das estratégias ofensivas com melhor índice de acerto nas 3ªs descidas. Apesar de o jogo corrido ter números ruins Dion Lewis apenas 180 jardas corridas, o ataque segue devastador com Julian Edelman com 399 jardas corridas e Rob “Robocop” Gronkowski 375 jardas corridas.

Alerta na defesa de Seattle

Alerta na defesa de Seattle

Aquela que é apontada como uma das maiores defesas de todos os tempos da NFL deverá ter problemas para a próxima temporada e fazer ajustes em suas linhas secundarias, estas que ate então eram consideradas perfeitas e muito estudadas por todos adversários. Tais ajustes poderão promover grandes fendas na intransponível  “Legion of boom” como é conhecida à defesa de Seattle.

Na quase perfeita temporada de 2014-2015, a defesa dos Seahawks se mantiveram imbatíveis, mas na emblemática vitória na prorrogação sobre Green Bay, A-Rod deixou uma marca indelével na “Legion of boom” naquele jogo, por limitações de locomoção alterou o playbook durante a partida e deu preferencias para passes curtos nas secundarias tendo como alvo jogadores velozes correndo em diagonal, o que ele fez de modo instintivo foi analisado posteriormente pelos especialistas dos times da NFL como a grande falha na defesa dos Seahawks.

Tal leitura foi feita e utilizada, agora sim de modo consciente por Tom Brady no Super Bowl. Embora saibamos que Seattle não perdeu o jogo no momento crucial por falhas na defesa e sim por erro no ataque, o fato é que analisando os avanços comandados pela ofensiva de New England verificamos que a estratégia foi bem sucedida. Na pré-temporada de 2015-2016 as ofensivas fizeram seus testes, embora os Seahawks tenha tido bons resultados analisando final de placar, frutos foram colhidos nestes testes. Os estudiosos da matemática e estatística da NFL, dizem que uma fenda foi aberta e mesmo que ajustes sejam feitos, espaços na defesa serão abertos.

A “Legion of boom” se diz preparada para temporada 2015-2016 e estão confiantes por manter a melhor defesa da NFL.

Problemas em Green Bay

Problemas em Green Bay

Após excelente temporada em 2014, os torcedores do Green Bay Packers ficaram frustrados em ver nos playoffs o maestro Aaron Rodgers jogar contundido, o que diminuiu muito as chances de conquistar mais um titulo. Os Packers caíram na prorrogação para o Seattle Seahawks, mas A-Rod deixou uma marca indelével na melhor defesa dos últimos tempos da NFL. Por limitações de locomoção alterou o playbook e deu preferencias para passes curtos nas secundarias, tendo como alvo jogadores velozes, o que ele fez de modo instintivo foi analisado posteriormente pelos especialistas dos times da NFL como a grande falha na defesa dos Seahawks.

Nos últimos tempos as lesões de jogadores fundamentais tem tirado o sonho do título voltar para Green Bay, em 2013 0 próprio A-Rod também ficou fora de 7 jogos da temporada com a clavícula quebrada e voltou com a obrigação de ganhar os últimos jogos para classificar o time para os playoffs, o que já foi considerado grande feito mesmo tendo caído pela segunda vez diante San Francisco 49ers de Kaepernick.

Para o inicio de 2015, as noticias de momento não são boas para os torcedores. O wide receiver Jordy Nelson, terceiro maior recebedor da temporada de 2014-2015 e alvo de confiança de Aaron Rodgers, está totalmente fora da temporada por lesão no ligamento cruzado do joelho e para piorar Randall Cobb apontado como possível substituto saiu contundido do ultimo jogo da pré-temporada 2015-2016.

 

Entre Jardas | Futebol Americano BR - 2014