Navegue pela Home do seu time
Era isso que Earl Thomas temia!

Era isso que Earl Thomas temia!

Brock oficial

Todos devem lembrar – contamos aqui – que Earl Thomas não queria defender o Seattle Seahawks durante esta temporada. Com um contrato que duraria apenas mais um ano e vendo seus companheiros e Legion of Boom sendo dispensados após lesões, ele pedia um novo acordo para a equipe como garantia.

Thomas chegou a escrever uma carta - leia aqui – pedindo para que a equipe o trocasse. Explicou seus motivos, o principal que se ele sofresse uma lesão teria prejuízos na carreia. Apontou a politica de corte da equipe, disse que entendia e terminou dizendo que “se vocês não me querem mais, por favor, me troquem”.

As ofertas chegaram para a equipe de Pete Carroll, inclusive consta em relatórios de insider americanos que o Dallas Cowboys  havia oferecido uma escolha de segunda rodada pelo safety. Não aconteceu a troca, Thomas se apresentou e ontem aconteceu o que o atleta temia. Uma fratura na perna – semelhante a que ele sofreu em 2016 – vai tirá-lo da temporada.

Não é oficial ainda, mas o treinador relatou a fratura na entrevista pós-jogo. Os atletas da equipe também deram declarações no tom de “ele só volta ano que vem”. Insiders relatam que assim que o jogar foi retirado de campo fez um gesto obsceno para a linha lateral da equipe em  reprovação por o obrigarem a jogar.

earl-thomas-cart-620-620x370 (1)

A situação era tão preocupante para Thomas, que ele não estava participando de todos os treinos da equipe. Na semana passada, por exemplo, Thomas não participou dos treinos de quarta e sexta-feira. Segundo ele a situação era muito temerária e ele precisava se proteger, porém ele tinha que jogar, pois os U$ 500 mil que ele recebe por partida era muito dinheiro para ele ficar em casa.

“Eu preciso ter certeza de que meu corpo está em 100%”, disse Thomas durante a semana. “Eu estou investido em mim mesmo. Se eles – o Seahawks -  investissem em mim, eu estaria lá treinando. Mas se eu sentir qualquer coisa – eu não dou a mínima se é pequena dor de cabeça – eu não irei treinar. Mas eu não quero que isso seja levado a um caminho errado. Eu sei que vou ser multado. Mas é o que posso fazer no momento.”

Pete Carroll também falou sobre a lesão de Thomas, que segundo ele está “partindo seu coração”. O jogador havia sido um dos destaques da vitória contra o Dallas Cowboys e a sua lesão, ontem, foi exatamente na jogada que resultou no passe de Josh Rosen para Chad Williams, que terminou em touchdown. No momento todos da defesa e até o recebedor adversário, Larry Fitzgerald se ajoelharam ao seu lado demonstrando apoio. A partida que terminou com vitória do Seahawks por 20 a 17 contra o Arizona Cardinals provavelmente foi o última de Thomas defendendo a equipe.

Quer comprar produtos originais da NFL no Brasil? Acesse www.firstdown.com.br .

TEST3

 

Posts Relacionados

Companheiro diz que Russell Wilson estará mais mag... O torcedor do Seattle Seahawks poderá ver um Russell Wilson diferente na temporada 2017 da NFL. Ao menos é isso que indica um dos companheiros do quar...
Running Backs da semana três em números Vamos começar a dar o feedback para as posições mais importantes da NFL a cada semana, e hoje começamos com os running backs. Esta posição é a síntese...
Doug Baldwin critica abertamente Richard Sherman "As vezes ele pensa que é mais esperto do que realmente é...". Esta foi uma das "cutucadas" que Doug Baldwin, recebedor do Seattle Seahawks deu em seu...
Seahawks contrata running back Depois de receber visitas de Adrian Peterson, Jamaal Charles e Martavius Bryant, o Seattle Seahawks finalmente acertou a contratação de um running bac...
Mixon deve perder apenas a partida contra o Panthe... Um dos destaques do Cincinnati Bengals nas duas vitórias da equipe foi operado com sucesso. Segundo o insider Ian Rapoport, o corredor passou por ...
De “desprezado” em San Diego a recordi... Quem viu o futuro Hall da Fama Drew Brees acertar um passe de 62 jardas para o calouro Tre'Quan Smith na noite de ontem, não imagina o quão difíci...
Leopoldo Scremin

Leopoldo Scremin é jornalista com passagem por diversas plataformas de comunicação (rádio, jornais e televisão).

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

 

Entre Jardas | Futebol Americano BR - 2014