Navegue pela Home do seu time
Jogadores dos Browns explicam círculo de protesto em hino: “Orando pelo país”

Jogadores dos Browns explicam círculo de protesto em hino: “Orando pelo país”

Antes de a bola oval começar a voar para Cleveland Browns x New York Giants nessa segunda-feira (21) um “grupo de protesto” dos Browns chamou atenção durante a execução do hino nacional. Foram 17 jogadores aderindo aos protestos frequentes desde a última pré-temporada. Um deles falou sobre a situação e explicou a intenção do grupo.

Foram 12 jogadores ajoelhados em um círculo e outros cinco em volta com as mãos nos ombros dos companheiros. Um dos atletas ajoelhados, o linebacker Christian Kirksley, revelou a intenção da manifestação. “Com tudo o que você faz, você tem que ser respeitado. Se alguém estivesse se perguntando o que estava acontecendo nesse círculo, nós estávamos orando pelo país, orando por coisas que estão acontecendo e tentamos fazer da forma mais respeitosa possível. Respeitamos tudo o que acontece com as pessoas nas forças armadas, respeitamos tudo isso. Sentimos que era o momento certo para fazer isso”, disse Kirksley ao Akron Beacon Journal.

Maior manifestação desde que Colin Kaepernick se ajoelhou pela primeira vez na última pré-temporada, o gesto dos Browns também incluiu o primeiro jogador branco a se ajoelhar em protesto, o tight end Seth DeValve. Chris Long dos Eagles e Justin Britt dos Seahawks, assim como Britton Colquitt, dos próprios Browns, também aderiram às manifestações, mas DeValve foi o primeiro a se ajoelhar ou sentar durante o hino.

Casado com uma esposa afrodescendente, DeValve justificou a decisão de se juntar às manifestações. “Eu vou criar filhos que não se parecem comigo. E eu quero fazer a minha parte e tudo o que posso para criá-los em um ambiente melhor do que temos agora”, afirmou Seth DeValve.

Já ciente da intenção dos jogadores antes do protesto acontecer, o técnico de Cleveland, Hue Jackson, voltou a defender o direito dos jogadores de se manifestar. “Como eu já disse, respeitamos os nossos jogadores. Esses caras vieram até mim e falaram comigo sobre isso antes que eles tomassem a decisão de fazê-lo. É assim que nos sentimos sobre isso e falamos sobre isso. Eu disse em algum momento, eles podem e eles têm direito. Não vou saber sobre o próximo jogo até que aconteça, mas novamente, essa foi a noite e partiremos de lá”, declarou Jackson.

Em comunicado oficial, o Cleveland Browns reafirmou respeito pelo hino nacional e o que a bandeira dos Estados Unidos representa, mas ressaltou o direito de expressão dos atletas. “Como uma organização temos profundo respeito pelo hino nacional, a bandeira e os militares e prestadores de serviço do nosso país nos Estados Unidos e no exterior. Sentimos que é importante que nossa equipe participe desta grande tradição e momento especial de reconhecimento, ao mesmo tempo em que respeitamos as grandes liberdades oferecidas pelo nosso país, incluindo a liberdade de expressão pessoal”, diz o comunicado.

Christian Kriksey, Jamie Collins, Isaiah Crowell, Duke Johnson, Terrence Magee, Brandon Wilds, Calvin Pryor, Jabrill Peppers, Jamar Taylor, Seth DeValve, Kenny Britt e Ricardo Louis foram os jogadores a se ajoelhar formando um círculo. Os que se juntaram ao grupo com as mãos sobre os ombros dos companheiros foram Marcus Martin, Shon Coleman, Jason McCourty, Britton Colquitt e DeShone Kizer.

Posts Relacionados

Especial Estádios da NFL – Parte 2 – AFC North... Esta é a segunda parte de nosso especial sobre os estádios que recebem os jogos da NFL. Agora falaremos da Conferência Americana, divisão Norte. Quer ...
Com Prescott inspirado, Cowboys mostra força diant... Os Cowboys estão cada vez mais adaptados ao estilo de jogo de Dak Prescott. Após a derrota na partida inaugural, o quarterback chegou a sua sétima vit...
Destaque do Browns quer US$ 10 milhões por ano Um dos poucos destaques do Cleveland Browns chega a agência livre com valor estipulado: US$ 10 milhões por ano. Segundo fontes o recebedor Terrelle Pr...
Titans muito próximo de anunciar troca de sua esco... Estamos a menos de seis horas do início do Draft e uma importante escolha da primeira rodada está muito próxima de ser trocada. Segundo Adam Schefter,...
O pior Browns da história! Depois da partida de ontem, os fãs do Cleveland Browns devem estar até agora em "posição fetal" rezando para que a temporada - e o pesadelo - acabem l...
Browns conversa para trocar escolha de primeira ro... O Cleveland Browns muito provavelmente vai trocar sua escolha de primeira rodada, porém não será a primeira escolha geral. Rumores em New York apontam...
Redação Entre Jardas

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

 

Entre Jardas | Futebol Americano BR - 2014