Redskins pode perder Reuben Foster para o início da temporada

Quando o Washington Redskins pegou nos waivers o linebacker Reuben Foster, não imaginava que o “grande movimento” da equipe poderia ser desperdiçado, pelo menos no início desta pré-temporada.

A 31° escolha geral do Draft 2017 pisou no pé de um companheiro de equipe e aparentemente – segundo relatos – torceu o joelho. A lesão pareceu grave, uma vez que o atleta socava o chão e chorava enquanto era previamente atendido.

Ainda caído, Foster foi cercado por diversas pessoas antes de ser retirado. O atleta Landon Collins (seu companheiro de Alabama), o treinador Jay Gruden, o presidente da equipe Bruce Allen e a equipe médica ficaram ali aparentemente consolando o defensor.

Depois ele foi retirado pelo carrinho de atendimento, com sua perna imobilizada. Os insiders que acompanham a equipe disseram no Twitter que se trata de uma lesão no joelho, no entanto, ele tem no histórico uma torção forte no tornozelo, que inclusive o fez perder cinco jogos em sua temporada de estreia na NFL.

Reuben Foster era cotado como um “top 3” no Draft 2017. Porém, ele caiu em um exame para maconha, fazendo com as as equipes perdessem um pouco do interesse por sua escolha. O San Francisco 49ers resolveu apostar no atleta, o que não deu muito certo.

No início de 2018 ele teve um problema com a polícia, que terminou em suspensão de duas semanas. Após isso dois casos de violência doméstica foram imputados sobre ele. No primeiro, sua namorada retirou a acusação, com a equipe dando um salvo conduto para o atleta.

Contudo, na véspera do jogo do Niners com o Tampa Bay Buccaneers, Foster foi preso no hotel que a equipe estava concentrada na Flórida. Horas antes, ele foi acusado de agredir uma ex-namorada com um tapa na mão/celular e um tapa no rosto da jovem. O Niners mandou Foster para casa, dispensando-o no outro dia.

Leia também -   Análise do Draft, tight ends: O.J. Howard

Gostando do atleta e precisando de alguém para a posição, o Redskins resolveu pegá-lo nos waivers, assumindo seu contrato de calouro. A acusação foi retirada e Foster estava livre para treinar e jogar, sem receber punição da NFL.

Quer comprar produtos originais da NFL no Brasil? Acesse www.firstdown.com.br

Deixe seu comentário

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.