Semana 1: os melhores e piores quarterbacks de cada divisão

Acabou a semana 1 e várias coisas surpreendentes aconteceram. Os “especialistas” diziam que Lamar Jackson não era um quarterback descente e ele atingiu o rating perfeito.

Tom Brady continuou sendo Tom Brady, enquanto Ben Roethlisberger teve uma de suas piores aberturas de temporada da carreira. Nick Foles quebrou a clavícula. Drew Brees e Deshaun Watson travaram um rali maravilhoso.

Confira o resumo dos quarterbacks de cada divisão:

AFC Leste:

Tom Brady foi com certeza o melhor, dominando a defesa do Steelers do início ao fim. É triste saber que ele já tem 42 anos e o veremos cada vez menos em campo, com certeza se continuar jogando assim vai lutar por mais um título de MVP da temporada

Josh Allen teve um primeiro tempo horrível e um segundo tempo clássico, com um comeback espetacular dentro da casa do rival de divisão Jets. Ele tem um ótimo braço, mas quando a defesa do Jets esteve inteira fisicamente não o deixaram jogar. Inconsistente.

Sam Darnold também sofre com os problemas de Allen. Ele tentou se livrar da bola com passes curtos e baixos, sendo bloqueado pela linha ofensiva pelo menos cinco vezes durante a partida. Seus play actions são bons, mas as vezes parece um pouco de desespero. Precisa melhorar muito.

Ryan Fitzpatrick só não foi o pior da divisão, porque Josh Rosen entrou em campo e conseguiu ser pior. O Dolphins caminha a passos largos para a primeira escolha do Draft 2020.

AFC Oeste:

Patrick Mahomes foi o destaque da divisão. Lançou muito e com segurança. A defesa do Jaguars ficou atônita com o jogo que o Chiefs imprimiu, principalmente com a atuação histórica de Sammy Watkins.

Philip Rivers continua o mesmo. Faz grandes jogadas, mas falha em algumas meio óbvias e acaba interceptado. Isso não é novidade na carreira dele. O importante é que saiu com a vitória. Foi relativamente bem.

Derek Carr também foi muito bem, principalmente por ter perdido seu principal alvo na semana de estreia. Carr é bom e agora parece que está recebendo a proteção necessária. Também parece entender melhor a lógica do jogo de Jon Gruden.

Joe Flacco não teve uma boa estreia. Em momentos decisivos não conseguiu as descidas, o que fez total diferença no placar. Sinceramente, ninguém espera muito mais que isso dele.

Leia também -   Calouro dos Jaguars sobre estreia na NFL: "É mais lento do que esperava, foi fácil"

AFC Norte:

Lamar Jackson conseguiu o rating perfeito em um jogo que correu para apenas seis jardas. Isso mesmo, ele não é um runing back que lança. Jogou muto e merece mais respeito, principalmente de quem o ofende gratuitamente. Foi o melhor quarteback da semana 1.

Andy Dalton virou meme após a bola escapar de sua mão em um passe, Contudo, teve uma partida muito boa, lançando mais que o dobro de jardas que o quarterback adversário. Se sua equipe tivesse um jogo terrestre descente teria ganho a partida.

Ben Roethlisberger teve um jogo fraco na semana 1, talvez uma das piores estreias de sua carreira. Méritos da defesa do Patriots, com grande carga de culpa dele. Só não foi pior que…

Baker Mayfield, que teve seu pior jogo na NFL. Foram três interceptações e uma falta de precisão que assustaram os fãs da equipe. Uma das piores atuações da semana 1.

AFC Sul:

Marcus Mariota teve um jogo muito sólido. Não correu demais com a bola, apenas o suficiente. Na hora de passar foi mortal. Destaque da divisão ao lado de…

Deshaun Watson, que promoveu um rali maravilhoso contra Drew Brees. Contra qualquer outra franquia ele teria vencido uma partida histórica. Porém, para Brees e Sean Payton, deixar 36 segundos no relógio é tempo demais.

Jacoby Brissett deixou claro em sua estreia que o jogo terrestre terá que ser muito bom para o Colts chegar aos playoffs. Segundo a NFL Stats & Info, a média de distância dos passes caiu em quase três jardas comparando com Andrew Luck. Foi bem, mas sem Marlon Mack correndo para mais de 100 jardas o ataque do Colts não existe.

Nick Foles quebrou a clavícula e ficará de fora por um bom tempo, inclusive sendo operado na manhã de hoje. Gardner Minshew entrou bem em seu lugar, completando 22 de seus 25 passes para dois touchdowns e uma interceptação. Foles volta apenas na semana 11.

Leia também -   Análise do Draft, defensive ends: Myles Garrett

NFC Leste:

Dak Prescott foi o grande destaque da divisão, com um ótimo jogo. Porém, muito desta sua atuação se deve a falta de pressão da defesa do Giants. Segundo a ESPN Stats & Info, se compararmos com partidas da temporada passada, apenas em dois jogos uma defesa pressionou menos o quarterback adversário que o Giants no domingo. Contudo, não podemos tirar seu mérito,.

Case Keenum fez um de seus meçhores jogos na carreira, ultrapassando as 380 jardas e passando para três touchdowns. Surpreendente a partida de Keenum, que se contasse com um jogo terrestre melhor do Redskins venceria. A equipe correu apenas 28 jardas no total.

Carson Wentz voltou bem após a lesão do ano passado. Passou bem e na hora certa. Destaque para uma big play na qual encontrou DeSean Jackson; Ótima apresentação.

Não dá para dizer que Eli Manning comprometeu o resultado do Giants, uma vez que não foi interceptado (aplausos). O ataque da equipe ainda está se estruturando. Daniel Jones entrou e acertou 3 de 4 passes para 17 jardas.

NFC Oeste:

Acreditem ou não, o estreante Kyler Murray foi o melhor da divisão na semana 1. Sentiu a pressão no primeiro tempo e no segundo veio em “no huddles” típicos dos ataques de College. Deu muito certo, com um último quarto sensacional. Uma pena não ter conseguido a vitória na prorrogação. Murray tem muita personalidade.

Russell Wilson não foi o destaque da equipe. Passou para dois touchdowns, então deve receber seus louros. Ao contrário do que muitos reclamaram nas redes sociais, não foi tão pressionado assim. A linha ofensiva do Seahawks ser fraca virou uma espécie de lenda urbana. Para se ter uma ideia, o quarterback adversário sofreu muito mais pressão e sacks que Wilson.

Jimmy Garoppolo também não ultrapassou as 200 jardas e errou muitos passes. No entanto, a fragilidade do Buccaneers lhe ajudou a voltar à campo com vitória.

Jared Cook venceu em uma atuação fraca, marcada por um touchdown e uma interceptação. Ele pode muito mais que isso. Atuação fraca.

Leia também -   Los Angeles Rams faz seu primeiro jogo pós Jeff Fisher

NFC Norte:

O rating é algo esquisito, não e mesmo? Kirk Cousins terminou a partida com vitória e rating de 140 pontos. Agora olhem seus úmeros: 8 de 10 passes completados para 98 jardas e um passe para touchdown. Tirem suas próprias conclusões.

Matthew Stafford jogou muito bem no primeiro tempo da partida, depois sumiu. O apagão não foi só dele, como também da equipe. Perdeu uma partida inacreditável e teve que se contentar com o empate. Mesmo assim foi o melhor da divisão na semana 1.

Aaron Rodgers fez dois drives muito bons, um deles perfeito. Isso garantiu um field goal e um touchdown que lhe deram a vitória. Pouquíssimo para alguém que é considerado um dos melhores da liga.

Mitchell Trubisky foi o pior da divisão. As vezes fica difícil entender a lógica dele ser titular na NFL. Se continuar jogando como na semana 1, o Bears não chega aos playoffs este ano.

NFC Sul:

O que Drew Brees fez no segundo tempo contra o Texans é de se guardar na memória. Assim como Brady, chega a bater uma tristeza quando lembramos que ele logo deve se aposentar. O melhor da divisão na semana 1.

Matt Ryan foi engolido pela defesa do Vikings, mesmo assim não teve números dos piores. Ele sentiu muita falta de Julio Jones em campo, assim como a equipe vêm sentindo há dois anos falta de Kyle Shanahan chamando as jogadas de ataque.

Cam Newton não conseguiu voltar de lesão com vitória. Entretanto, disse que não sentiu o ombro. Porém, segundo a ESPN Stats & Info, ele diminuiu drasticamente a distância de seus passes e o tempo que fica com a bola. Sinal de receio pelo ombro.

Jameis Winston deve perder a titularidade antes da semana de bye se continuar jogando assim. Relapso nas leituras, lança bolas já sabendo que será interceptado. Pior a cada dia, foi interceptado por três vezes no domingo. O Bucs precisa de um novo quarterback no próximo Draft.

Quer comprar produtos originais da NFL no Brasil? Acesse www.firstdown.com.br.

 

 

 

Deixe seu comentário

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.